terça-feira, 21 de abril de 2009

quatro anos se passaram até o sol voltar a queimar sua pele

com quem amo

luzes fortes
chácara em itanhaém
bonita mulher
olha pra frente e vê
algumas cartas, escovas de dentes
tem todo o direito de viver
malditos momentos tristes
mesma direção e sentidos contrários

embaixo dos cobertores
basta! eu quero paz!
a princesa havia se tornado
uma sereia
dias foram passando
vira o rosto e vê
não sabia o que havia acontecido
com o tempo
claramente o caminho
aparece e
com o brilho de suas joias

(baseado na prosa de carlos eduardo pereira dos santos)

0 comentários:

Postar um comentário